Site Tools


guapuruvu

Guapuruvu

Nomes científicos e populares

Schizolobium excelsum Vog.

Nomes populares - guapuruvu, guapurubu, ficheira, bacurubu, guapiruvu, garapivu, guarapuvu, pataqueira, pau-de-vintém (BA), bacuruva, birosca (MG), bandarra (RJ), favêira,

Informações Botânicas

Família Leguminosae - Caesalpinoideae

Características morfológicas - Altura de 20-30 m, com tronco de 60-80 cm de diâmetro. Folhas compostas bipinadas, de 80-100 cm de comprimento, com 30-50 pinas opostas. Folíolos em número de 40-60 por pina, de 2-3 cm de comprimento.

Fenología - Floresce a partir do final de agosto com a planta totalmente despida da folhagem, prolongando-se até meados de outubro. Os frutos amadurecem em abril-julho.

Obtenção de sementes - Recolher os frutos no chão após sua queda espontânea. Em seguida retirar manualmente a semente de seu interior. Um quilograma contém aproximadamente 500 unidades. Sua viabilidade em armazenamento é longa, podendo durar vários anos.

Produção de mudas - Escarificar as sementes antes da semeadura; isto pode ser obtido lixando-se um ponto da mesma ou fervendo-as durante 4-10 minutos e depois deixando-as na água por 1-2 dias. Semeá-las em seguida diretamente em recipientes individuais contendo substrato argiloso. A emergência demora 5-15 dias, e a germinação é superior a 85%. O desenvolvimento das plantas no campo é extremamente rápido, atingindo facilmente 8-10 m de altura aos 2 anos.

Princípios Ativos

Indicações e Usos

A casca tem propriedade terapêutica adstringentes e o extrato de suas folhas neutraliza veneno de cobras. 1

Suas flores fornecem pólen e néctar, com 29% de açúcar e mel fluído e perfumado. A espécie é indicada em reflorestamentos para recuperação ambiental, sendo que seus galhos são preferidos para a nidificação do pássaro joão-de-barro. É recomendada também para restauração de mata ciliar em locais livres de inundação.

A madeira é indicada para miolo de painéis e portas, brinquedos, saltos para calçados, formas de concreto, compensados, caixotaria leve e pesada. A planta é bastante ornamental quando em flor, porém não é recomendada para arborização de lugares muito freqüentados devido aos riscos de acidentes pela queda fácil de ramos em dia de vento. É ótima para reflorestamentos de áreas degradadas de preservação permanente em composições mistas.

Sua morte ocorre após cerca de 40 a 50 anos. Antes disto, é muito comum a queda de galhos, porque sua madeira é muito fraca (Árvores do Brasil, 2006).

É uma das plantas nativas de mais rápido crescimento, prefere as matas abertas e capoeiras, sendo rara na floresta primária densa.

Nutrientes

Toxicidade

guapuruvu.txt · Last modified: 2019/05/25 19:08 (external edit)